domingo, 1 de janeiro de 2012

2012

O Fim do Mundo
O Final dos Tempos
Um desejo profundo
Uma soma de grimpos.
 
Todos falam
Muitos esperam
Poucos se calam
Alguns o veneram
 
Tem os que temem
E os que desprezam
Aqueles que pedem
E os que contra rezam
 
Muitos anunciaram
Todos erraram
Com gritos e brados
Mas poucos ouvidos
 
Certezas não existem
Esperanças são muitas
Outra Terra não tem
As Moradas são ocultas
 
Visões da Fé?
Ilusões da loucura?
Quem sabe o que é?
Como vai a procura?
.

Um comentário:

  1. NÃO SABEMOS O DIA NEM A HORA QUE VIRA O FIM . SO DEUS SABE .

    ResponderExcluir

Muito obrigado por sua opinião.