quarta-feira, 12 de junho de 2013

Sonhos e Preces


Observo-te pelos espelhos
Dormindo em meus braços
Seus lábios tão vermelhos
Pelos beijos entre amassos

Pareces tão dócil e frágil
Amalgama de minha alma
Conquistaste-me tão ágil
Sem ti perco minha calma

Já trocamos tantas promessas
Muitas delas agora esquecidas
Como folhas que são arrastadas
Ao bel sabor dos ventos Bóreas

Eu queria ser como as nuvens
Eu queria ter poderosas asas
Para leva-la até aqueles lumens
Que admiras nas noites escuras

Que teus sonhos sejam doces
Enquanto dormes em meus braços
E que Deus atenda minhas preces
Para fortalecer os nossos laços



2 comentários:

  1. Os melhores sonhos são aqueles dormidos nos braços de outrem!

    ResponderExcluir
  2. Deus sempre atende nossas preces. De coração e com amor.

    ResponderExcluir

Muito obrigado por sua opinião.